Serra do Cipo

Campanha busca voluntários para “adotar” árvores na Serra do Cipó

Campanha busca voluntários para “adotar” árvores na Serra do Cipó

O Instituto de Observação da Terra (InOT) lançou a campanha “Amigos do INOT”, que busca mobilizar a sociedade para atuar na conservação da fauna e flora da Serra do Cipó, localizada a 90 km de Belo Horizonte e conhecida por sua beleza natural. O objetivo da iniciativa é encontrar pessoas para “adotar” árvores da área conhecida como Mata do Gerônimo.

O projeto inclui, também, a preservação da fauna e flora, mas também a recuperação de nascentes e riachos que alimentam importantes bacias hidográficas, como a do São Francisco.

O diretor executivo e conselheiro administrativo do instituto, Luiz Ricardo Silva, afirmou que o projeto quer promover a continuidade das ações do INOT, como a divulgação científica da Serra do Cipó.

“A biodiversidade local surpreende por apresentar espécies endêmicas de vegetais e animais ameaçados de extinção. Por esse motivo, a área atrai não só turistas, mas também pesquisadores do mundo inteiro. A partir da ação ‘Amigos do InOT’ pretendemos dar mais visibilidade a toda essa riqueza e fazer o cercamento da Mata do Gerônimo, impedindo a entrada de gado, e melhorando o monitoramento das florestas”, disse.

Os interessados em participar do projeto podem doar qualquer valor. Porém, há uma outra opção para os que desejam adotar uma ou mais árvores com contribuições mensais. Para isso, os voluntários podem colaborar com R$ 20 por mês, R$ 40 para duas, R$ 60 para três, R$ 80 para quatro e R$ 100 para cinco.

Ao aderir a campanha, cada “amigo do InOT” recebe uma placa virtual no site da organização, e será informado, periodicamente, sobre todas as ações desenvolvidas pelo instituto, além de receber a prestação de contas e de ter acesso a visitas guiadas na Mata do Gerônimo.

Para se tornar voluntário, basta acessar o site e se cadastrar no link “Amigos do InOT”.

Faça uma visita na Serra do Cipó.  Navegue pelo Portal Serra do Cipó e descubra este paraíso cercado de rios, montanhas e cachoeiras.

Deixe um comentário