Pesquisadores localizam gruta explorada há quase 200 anos por Peter Lund

O espeleólogo Luciano Faria com sua equipe na caverna de Baldim, na Grande BH, rebatizada como Gruta da Fortuna: ossos, descobertas arqueológicas e angústia pela falta de recursos para ampliar o trabalho científico iniciado pelo dinamarquês nos anos 1830 (foto: Leandro Couri/EM/DA Press)

Depois de 180 anos, mineiros reencontram a Lapa da Forquilha, descrita em 1835 pelo pai da espeleologia brasileira. Achado é o primeiro passo de longa caminhada pela preservação Baldim – Por uma clareira entre as árvores do cerrado, janela com não mais de cinco metros, o cientista dinamarquês Peter Wilhelm Lund (1801-1880) descreveu, em 1835, … Ler mais